03/05/2018 17h21

Sesp recebe área do DIO para ampliação do Ciodes

O Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes) será expandido e terá capacidade de atendimento e integração ampliada. Isso porque foi assinado, na tarde desta quinta-feira (03), o Termo de Cessão de Uso de uma área de 1.211,23 m² que faz parte do edifício sede do Diário Oficial do Espírito Santo (DIO), para a Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp). Além do espaço, o DIO transferiu R$ 3 milhões de seu superávit financeiro para a adequação da área às necessidades do Ciodes.

Com o novo espaço, será possível que novas instituições, como Guardas Municipais da Grande Vitória, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Samu 192, por exemplo, passem a integrar o centro de operações.

O órgão de atendimento emergencial integra, em uma única estrutura física e digital, atualmente, o trabalho diuturno das Polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros, Sejus, Guarda Municipal de Vitoria e atendentes de uma empresa terceirizada de call center.

“Estamos trabalhando para melhorar a estrutura da Segurança Pública com recursos que nós temos. O Diário Oficial estava com um superávit e repassou para a Sesp R$ 3 milhões, realocando recursos, materiais, mão de obra, no sentido das prioridades traçadas. O espaço onde funciona o Ciodes impedia esse passo além que a Secretaria da Segurança já planejava. Esse conjunto de esforços dará condições adequadas para os profissionais cumprirem suas missões”, afirmou o governador Paulo Hartung.

Serão cedidas a área do Parque Gráfico, com 406,49 m², salas de apoio da gráfica com 328,45 m², almoxarifado com 176,70 m², salas do 1º piso, onde funcionava a Gerência de Comercialização, com 200,98 m² e salas do 2º piso, com 98,61 m².

Três áreas serão compartilhadas entre a Sesp e o DIO: o auditório, o salão de circulação e refeitório/cozinha. O tamanho da área é de 478,80 m². 

Para o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, Nylton Rodrigues, esse é um avanço para o atendimento de emergência do Estado.

“É um momento especial para todos, um pouco mais para mim. Fui diretor do Ciodes e sei a importância do serviço. Estávamos precisando de um espaço onde pudéssemos avançar na aplicação de metodologia e tecnologia, usadas atualmente. Além do Ciodes também ocupará o novo espaço o Disque-Denúncia, 181”, complementou o secretário, destacando a integração entre o atendimento de emergência e o de inteligência, que municia os policiais. “Se o Ciodes socorre o Disque-Denúncia gera a informação tão precisa para o trabalho investigativo e de inteligência das nossas polícias”.

Conheça o Ciodes

Quando um cidadão disca 190, esta ligação é recebida por um Call Center especializado, que funciona 24 horas/dia, com atendentes treinados de forma a colher os dados informados de maneira rápida e completa, gerando um Boletim de Chamado.

Ao ser registrado, o chamado é convertido em uma ocorrência que, conforme o nível de urgência e prioridade, é classificada como alerta vermelho, alta, média ou baixa, proporcionando uma filtragem mais precisa da gravidade de cada situação. Essa separação de ocorrências por prioridade, permite agilizar o atendimento dos casos mais emergenciais, buscando reduzir, ao máximo, o tempo de espera do cidadão.

Essa ocorrência é recebida via sistema, imediatamente pelo operador da respectiva agência de segurança pública, o qual visualiza o rastreamento e o posicionamento por GPS de cada viatura, possibilitando enviar o recurso operacional mais próximo do local do fato, reduzindo, consideravelmente, o tempo resposta no atendimento ao cidadão.

Essa integração de pessoas e tecnologias, associada a um programa de treinamento profissional contínuo e a uma metodologia pré-definida de atendimento, possibilita uma maior agilidade no atendimento das emergências, culminado em uma resposta cada vez mais rápida e precisa prestada à sociedade.

Disque-Denúncia, 181

Manter o anonimato de quem denuncia. Esta é a principal característica do serviço Disque-Denúncia (181). Por meio deste número, a população pode denunciar qualquer tipo de irregularidade, ilegalidade ou repassar informações que ajude as polícias na elucidação de delitos ou infrações.

O Disque-Denúncia (181) bate recorde de ligações a cada mês e demonstra a credibilidade da população em relação ao serviço que ajuda as autoridades policiais a combater ilegalidades, além de contribuir para integração entre os cidadãos e a polícia.

Diário reestruturado

Neste mês de maio, no dia 23, a Imprensa Oficial do Espírito Santo (DIO/ES) completa 128 anos de história. E justamente neste ano o DIO/ES tornou-se 100% digital, com as edições disponibilizadas totalmente na internet e via aplicativo WhatsApp. Um levantamento preliminar indica que as ações de modernização vão gerar uma economia de R$ 2 milhões durante o ano.

Um dos passos necessários para modernização da instituição foi o fechamento do Parque Gráfico, realizado no primeiro bimestre. Isso porque como a maior parte das pessoas já acessam as informações em meio digital, a gráfica passou a ter um custo muito elevado de manutenção.

“Nos últimos cinco meses, intensificamos o processo de modernização do Diário Oficial. Ele ficou mais enxuto e com foco 100% digital. Passou a ser distribuído via WhatsApp para mais de 2.500 pessoas. É uma enorme satisfação agora saber que, além da economia com a desativação da gráfica, o espaço será utilizado para a ampliação do Ciodes, um serviço muito importante para a população”, destacou o diretor-presidente do DIO/ES, Eduardo Caliman.

Informações à imprensa:
Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social - ES
Júnior Costa
Coordenador de Comunicação
jrcostah@gmail.com    
Tels:(27) 3636-1572 / 98895-0391
www.sesp.es.gov.br

Assessoria de Comunicação do DIO/ES
Lucas Monteiro
Tels: 27 3636-6908 / 3636-6907
lucas.monteiro@dio.es.gov.br

Stephanie Oliveira
Tels: 27 3636-6908 / 3636-6907
stephanie.oliveira@dio.es.gov.br

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard